22 abril 2009

Domani

Domani

Non voglio più pensarti
Devo scordare il tuo viso,
Il mio amore, il tuo sorriso,
Senza dolore, senza preavviso
Non mi scrivere, non mi parlare.
Sei ora parte di qualcosa
Che non mi piace ricordare
Voglio solo odiarti
E da me cancellarti

E domani....
Non so dove sarò domani.


Bruna Ross

4 comentários:

mineiroca disse...

Ainda pergunto como realmente acabará...pq há impressão q nao foi dita ainda a ultima palavra, que o jogo só acaba quando termina...
Estou com utopias... confesso.
Penso que ainda resta um fio...quissá, um rastro brilhante de esperança... para todos nós.

obrigada por externar estes sentimentos q sinto reflete tantos...

AntonioBN disse...

Domani lo perdonerai?

justlikeawave disse...

lindo! forte e denso... mas triste... domani e' un altro giorno... si ricomincia tutto un'altra volta...Bjos!!!
e como sempre... escrevendo maravilhas!

Hawkdiary disse...

voce é poeta amiga!!
e daquilo que eu entendo de italiano.
está...
molto bello